Espiritualidade da Comunidade Shalom


A espiritualidade da Comunidade é: "Servir na Gratuidade da Liberdade do Amor", ou "ser livres no amor para servir na gratuidade".

Conforme o carisma, nossa riqueza é buscar a liberdade do amor. Ao longo do tempo temos procurado trabalhar-nos humana e espiritualmente para sermos pessoas livres que se doam na gratuidade.

A nossa missão com os jovens tem sido ao longo dos anos um serviço realizado na gratuidade.

O gesto do "lava-pés" tem sido (começando na ordenação do Luís Carlos e até hoje) um gesto paradigmático da nossa espiritualidade. Jesus livremente se entrega, no amor, para a liberdade do mundo.

A gratuidade, a liberdade, o amor, o serviço, estão presentes neste gesto que constitui a identidade do compromisso dos membros da Comunidade.

Nossa espiritualidade tem, por isso, a Eucaristia como fonte e plenitude de seu significado.

A Encarnação e a Ressurreição de Jesus são dois momentos também paradigmáticos para nós. Queremos partir da realidade, encarnar, acolher a realidade, "vivendo o humano como Jesus viveu" e, ao mesmo tempo, tendo o sentido da alegria e da superação e transformação da Ressurreição de Jesus. O amor-serviço do lava-pés encarna-se no concreto e faz a realidade crescer para a transformação da ressurreição.

Na Eucaristia tornamos realidade o Encontro com Deus, realizado através de Jesus, onde vemos claro a presença da gratuidade do amor do Cristo que se doa, a Encarnação (o assumir a realidade), a Ressurreição (a transformação). A Eucaristia faz-se liberdade de quem acolhe o chamado e responde, desprendendo-se de tantos condicionamentos humanos que nos fecham sobre nós mesmos. Queremos caminhar na transcendência e esta se consuma, quando nossa vida for gratuidade do amor-serviço, em que nossa ação nasce do próprio Cristo e é livre, pois não busca nada em troca, mas apenas quer ser amor-serviço na liberdade, libertador e redentor.

Vivemos em Cristo pela experiência de servir na gratuidade, como Jesus viveu, realizando o amor da Trindade. Se nos dispusermos a aprender a gratuidade do amor nos nossos relacionamentos, nos nossos trabalhos, nos nossos desafios comunitários, e fizermos a avaliação de nossa vida em função disso, teremos um meio de crescimento e de enriquecimento permanente, diante do qual aprendemos a servir como Jesus serviu, na comunhão do amor criador do Pai e na liberdade do Espírito.

O nosso desafio de vida é chegar à "Gratuidade da Liberdade do Amor".

AEspiritualidade da Comunidade está sintetizada na palavra Shalom: a Paz do Senhor encarnado e ressuscitado, gratuidade de Deus, amor transformador-libertador de Deus, amor que acolhemos e fazemos vivo em nossos relacionamentos: conosco mesmos, com os outros, com a natureza e com Deus.

Comunidade de Belo Horizonte/2002


Comentários



Siga-nos pelo Facebook

Fale Conosco

Preencha os dados a baixo em breve entraremos em contato

Localização

R. Lopes Filho, 303 - Amadeu Furtado
Fortaleza - CE
60455-670



Contato Por Telefone

+55 (85) 3281-1085