O Caminho da Palavra

O Caminho da Palavra: A Liberdade


As palavras nascem no interior de cada pessoa. Tornamo-nos “pessoa” na medida em que vamos dando “nome” às coisas. (É muito importante perceber que a pessoa torna-se livre na medida em que vai sabendo dizer o que sente, quem é, quem são os outros, como são as suas relações). As palavras constituem a nossa identidade e são reveladoras da nossa identidade. “A boca fala da abundância do coração”. As palavras são livres, leves, ninguém prende as palavras que são ditas. As palavras significam o sentido da nossa vida, nossa disposição, nossa abertura, nossa fé, nossa esperança, nosso jeito de caminhar, nossos encontros e desencontros. As palavras fazem coisas, são operativas. Produzem bênção, maldição, alegria e tristeza, unem e separam, constroem e destroem. Propagam-se nas ondas do espaço e chegam aos confins da terra. A maior característica das palavras é a liberdade. Por isso, as palavras são criadoras, inovadoras, novas, todas as palavras são sinal de esperança. Quando falamos é porque esperamos, confiamos, acreditamos, mesmo que as nossas palavras sejam de desencanto, de dor, de depressão. Quando deixamos de falar com alguém, quando “cortamos a palavra” é a mesma coisa que dizer “esta pessoa deixou de existir”, é a mesma coisa que cortar o ser, negar o ser. Se numa casa, uma pessoa deixa de falar com as outras, “cortou a palavra”, essa casa vira um inferno. As palavras são radicais na expressão do nosso ser.
Na Eucaristia dá-se o encontro da Palavra, Palavra de Deus. A Palavra sai do interior de Deus, é Deus. Deus se revela para nós. Nosso ser de palavras, comunga a Palavra de Deus. Nossos ouvidos escutam, o coração ama, o nosso ser se encontra no ser de Deus. A Palavra de Deus nos cria, nos gera, nos faz. Aprendemos a dar nome às coisas através da Palavra fonte. Ela ilumina o nosso ser, nos revela o nosso ser e o ser do universo. A Palavra de Deus é livre, percorre os corações e a criação inteira. Vem e volta como o vento, sem cessar. “No princípio era a Palavra e Nela tudo foi criado”. Como a chuva, a Palavra não deixa de produzir efeito. Somos intimamente gerados, em nosso interior, pela presença da palavra, que nos ensina a dizer palavras, comunhão da Palavra de Deus. A Palavra é a liberdade de Deus. É o próprio Jesus. É Deus presente no nosso ser até à medula dos nossos ossos e no interior do nosso espírito. A Palavra tem a liberdade do Cristo ressuscitado, ardendo no coração da vida.
Cada pessoa foi criada na Palavra, pela Palavra. Cada pessoa é uma palavra. Ao longo da vida descobrimos a palavra que somos, nossa essência, e nos tornamos Palavra. No meio de tantas palavras, somos uma palavra.
Jesus, Palavra de Deus, é a Palavra original, única, criadora. Na Eucaristia celebramos a liberdade da Palavra livre. Ninguém amarra a Palavra, a Palavra criadora e libertadora.
Pe. José Luís, CSh


Comentários



Siga-nos pelo Facebook

Fale Conosco

Preencha os dados a baixo em breve entraremos em contato

Localização

R. Lopes Filho, 303 - Amadeu Furtado
Fortaleza - CE
60455-670



Contato Por Telefone

+55 (85) 3281-1085